quarta-feira, 14 de março de 2007

“Ah se você estivesse aqui agora...

tudo estaria mais completo

esta alegria que sinto seria tão facilmente nosso fonte de renda

esta loucura medida como notas no escuro

sorrio para quem quiser ver...

para quem quiser sonhar...

mas só queria estar deitado ao seu peito,

tendo os cabelos todos remexidos, suave!

Docemente embalados de suavidade

Queria tanto sentir sua (nossa) força,

Onde você foi?

O que você está pensando agora?

Posso terminar este poema com você?

Posso terminar sem chorar por nos?”

(Ouro Preto, 30 janeiro 2007)

Nenhum comentário:

Visitantes

Loading...