sábado, 10 de março de 2007

KUOLEMA ART ZINE 11

KUOLEMA ART ZINE NUMERO 11
DATA MAIO DE 2006

“Todos os dias somos algo novo
uma inconstante convivência
dentro de uma vida inconstante
tragamos os cigarros sujos
que encontramos as margens das ruas
esta mesmas ruas com propagandas
puras, pura, pura obscenidade
uma obscenidade que não vemos.
Ao mesmo tempo
somos engolidos por um sistema
de bocas que não come há anos.
E as mesmas pulgas que estavam vagando
Nos copos dos cães rueiros,
Agora se deliciam com os nossos restos
Caídos ao longo da estrada.”

“CUSPIDAS

uma cuspida ácida
fatal aos humanos...
uma cuspida doce
letal aos humanos...
uma cuspida que derrete tudo
basta cuspir
pra tudo mudar
pra tudo acabar
antes do cuspe tudo
depois do cuspe nada!”

Nenhum comentário:

Visitantes

Loading...