quinta-feira, 7 de junho de 2007

“Na calada da noite ela me escolhe
Nada diz, quer um pouco de loucura,
Uma louca sensação medida
Em copos grandes de doses destiladas
Sonhos conservados em formol
No amanhecer de um novo dia
Olho para o lado, estou só
Acho que na noite também estava os
Só imaginei estar ao sue lado”
(Ouro Preto, 20 maio de 2007)

Nenhum comentário:

Visitantes

Loading...